Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A nossa vida!!!

O nosso dia a dia, a nossa vida, o nosso diário, o nosso mundo...

A nossa vida!!!

O nosso dia a dia, a nossa vida, o nosso diário, o nosso mundo...

Mudança de visual!

Tenho um cabelo super fino, frágil e quebradiço.

Estou a fazer um cronograma capilar para o melhorar (mais tarde farei um post a falar sobre o tema) mas não tem sido fácil.

 

Depois tenho um problema (ou não) tenho necessidade de mudar o visual com frequência.

Um pequeno corte, um corte maior, franja, madeixas seja o que for gosto de mudar e desta vez não foi excepção e fiz uma ondulação.

 

Bem sei que as quimicas estragam muito o cabelo mas precisava dar lhe algum volume e vida.

 

E por conselho também da cabelereira optamos por uma ondulação fraquinha e bem larga.

 

Collage 2017-04-20 06_32_02.jpg

Collage 2017-04-20 06_35_36.jpg

Collage 2017-04-20 06_37_54.jpg

 

Gostam?

 

Acham que foi uma boa escolha?

 

E vocês também gostam de mudar?

 

Bom domingo!

Filme da Noite #86

A Rapariga do Comboio!

 

Provavelmente já quase toda a gente viu ou pelo menos ouviu falar deste filme, certo?

 

Resultado de imagem para a rapariga do comboio filme

 

 

(imagem retirada da Internet)

 

Tinha muita vontade e sobretudo curiosidade de ver este filme, não vou dizer que foi espectacular porque para mim não foi, até porque no principio já estava a ficar arrependida de o ter escolhido, mas valeu a pena ver, não deixa de ser um drama interessante.

 

Trailer:

A Rapariga do Comboio

 

Sinopse:

Depois de um divórcio algo traumatizante, Rachel desistiu de si mesma, entregando-se à depressão e ao alcoolismo. Todos os dias faz o mesmo percurso de comboio até ao local de trabalho. Durante a viagem, observa, através da janela da carruagem, as rotinas diárias de várias pessoas dentro das suas casas. Entre elas está um jovem casal com uma vida aparentemente perfeita. Recriando o seu dia-a-dia – em paralelo com o vazio da sua própria existência –, ela cria um cenário e uma narrativa, sentindo-se cada vez mais ligada a eles e a uma ideia de amor inabalável. Mas tudo se altera quando, numa dessas viagens, Rachel repara em algo perturbador. Nesse instante, vê colapsar todas as fantasias. Horas mais tarde, descobre que a mulher se encontra desaparecida e partilha a informação com a polícia. Sem que o esperasse, vê-se enredada na situação: ao procurar as autoridades, tornou-se uma das principais suspeitas.
Com realização de Tate Taylor ("As Serviçais") e argumento de Erin Cressida Wilson, um "thriller" que adapta o "best-seller" homónimo da inglesa Paula Hawkins.

 

 

Conversas #46

Estávamos num momento de família, a ver fotografias do ano passado.

De repente no meio de um grande abraço a Leonor diz-me:

 

Mãe fui sempre tão feliz, obrigada por tudo!!!

 

Fiquei engasgada de felicidade, apenas a abracei com as lágrimas a tentarem saltar dos olhos como um impulso..

 

Já noutra ocasião o Lourenço disse-me:

 

Mãe obrigada pela família que tenho!!!

 

Obrigada eu meus filhos por me terem escolhido como Mãe!!!

Há dias em que o coração não me cabe no peito com tanto amor!

 

FotorCreated.jpg

FotorCreated 1.jpg

FotorCreated 2.jpg

FotorCreated (2).png